02/12/2008

Perseverando

"...quando a carne grita,
e fica difícil de agüentar,
meu olhar na cruz se fixa
e começo a pensar;

penso nos espinhos,
penso nos pregos,
lembro que sou filho
e o amor é eterno..."

Nenhum comentário: